29 de setembro de 2012

Aula - Responsabilidade


“O DEVER É A LEI DA VIDA”

Evangelho Seg. o Espiritismo – Cap. 17

“Todos nós temos deveres morais para com o próximo.
Amar o próximo é a expressão máxima da caridade.”

Sub-temas:
·        AS VIRTUDES
·        RESPONSABILIDADE
·        CUIDAR DO CORPO E DO ESPÍRITO

Objetivo: - Compreender o dever como obrigação moral perante Deus e perante todas as criaturas.
- Compreender que o dever como obrigação moral dá ao Espírito a vigor necessária para o seu aprimoramento e, portanto deve refletir todas as virtudes cristãs.
- Reconhecer que o dever está intimamente ligado aos ensinamentos do Cristo: Amar a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a si mesmo, não fazendo aos outros o que não gostaríeis que fosse feito a vós.
- Entender que o dever não despreza nem a disciplina e nem a responsabilidade para com Deus, conosco mesmos e para com todas as outras criaturas.
- Conscientizar o evangelizando da importância do dever bem cumprido trazendo a verdadeira paz ao coração.
- Conscientizar o evangelizando sobre a importância do dever na preservação da vida e por isso é preciso cuidar do corpo e da alma, pois desconhecer as necessidades de qualquer um deles é desconhecer a lei de Deus.

Harmonização com Música
Prece Inicial

Primeiro Momento:

MOTIVAÇÃO:
Chegar na sala com uma cara meio preocupada, olhar para um lado e para o outro e comentar com as crianças: “Meus amiguinhos, esqueci de fazer a aulinha para hoje. Na verdade não esqueci, fiquei com preguiça, estava cansada e resolvi que não ia fazer... Não estava com vontade... Na verdade quase não vinha hoje, porque estava mesmo é com vontade de dormir até tarde.”
Depois perguntar se elas querem colorir apenas, e quando elas toparem, comentar que você esqueceu-se de comprar as folhas (tarefa que o coordenador havia lhe pedido) e esqueceu também de separar os lápis de cor para trazer.
Dizer que depois ficou pensando... Perguntar para companheira de evangelização e pra turma: Vocês acham que eu fiz certo? Acham que eu fiz a coisa certa? Posso deixar pra lá os compromissos que eu assumo e deixar de fazer as minhas obrigações?
Ouvir resposta, revelar a brincadeira e comentar: Se eu fui irresponsável... Que devemos ter, então em relação aos nossos deveres é:  “RESPONSABILIDADE” (escrever no quadro).

Segundo Momento: Pedir que uma a uma responda a pergunta, anotando no quadro as respostas.

1- O que é responsabilidade?
É a qualidade moral que nos faz cumprir bem a nossa tarefa, realizando- a com zelo (explicar a palavra).
É um importante senso ( faculdade de julgar, raciocinar, entender; um modo de pensar) que devemos desenvolver.
O Homem responsável cumpre seu dever: no lar, na escola, no trabalho, na comunidade.
Também é a obrigação de responder pelas conseqüências dos nossos próprios atos maus.

2 - Todos nós temos responsabilidades?
Todos nós temos liberdade de pensar, e conseqüentemente de escolher como agir. Então temos responsabilidade pelo mal que fazemos e mérito pelo bem que praticamos. Até os seres da natureza têm suas responsabilidades: as plantas produzem o oxigênio, o Sol aquece e ilumina, a Lua é responsável pelas marés, os ratos devem fazer com que não haja tantas baratas...
2
.1 - As crianças têm deveres ou responsabilidades como os adultos? Todos nós temos um papel importante no universo e somos responsáveis por cumpri-lo.

2.2 - Se todos nós temos responsabilidades, quais são?
- Com Deus (colar no quadro ou escrever): responsabilidade moral, que nos leva a nos esforçar por tentar cumprir suas leis, na busca por sermos pessoas melhores para os outros e para nós mesmos.
- Com nossos pais ou a família: cumprir a nossa parte nas tarefas domésticas ou pelo menos não dar trabalho, estudar. Quando eles forem velhos, cuidar deles, da mesma forma que cuidam da gente quando somos crianças.
- Com os amigos: ajudar em tudo que pudermos.
- Com a escola: estudar, ser disciplinado, educado.
- Com o próximo: ajudar quem quer que seja: negros, brancos, amarelos, pobres, ricos, porque é nosso dever cristão.
- Com a verdade: ser sempre sincero.
- Com o trabalho: ter disciplina, obedecer à hierarquia, desde que não recebamos ordens ilegais ou imorais, e manter a ordem.
- Com a sociedade em geral: Não causar danos aos bens públicos, não sujar a c idade, ajudar os necessitados e, sempre que possível, ensinar o que sabemos de bom a quem pudermos.
- Com a natureza: evitar o corte desnecessário das árvores,
- Com os animais: proteger, alimentar, cuidar quando doente, nunca abandonar.
- Conosco mesmos: Fazer o máximo que conseguirmos para que sejamos pessoas melhores e felizes.

SOMOS TAMBÉM RESPONSÁVEIS:
- pelo que pensamos e agimos;
- pelo que falamos;
- pelas idéias que passamos á frente.

3 - Porque temos que ter responsabilidade?
Porque o dever é a lei da vida.
Temos dever moral, e o cumprimento do dever por cada um é governado pelo livre- arbítrio.
Deus criou os homens todos iguais, todos sofremos pelas mesmas causas (orgulho e egoísmo), para que cada um avalie o mal que fez, além do que pode fazer para melhorar.
Temos o trabalho que é a lei natural e é uma necessidade para a civilização e aperfeiçoamento da humanidade.

4 - O que acontece com quem não tem responsabilidade?
Provoca a desordem.
Porque temos que educar nossos hábitos e se não tivermos freios as conseqüências são desastrosas.
O progresso é determinação divina, de tal forma que teremos que evoluir um dia. Se não arcamos com nossas responsabilidades e levamos a vida despreocupadamente achando que a vida se ajeita, acabamos ficando "endividados" com as leis divinas e nossas dificuldades aumentam.
Se a pessoa não é responsável, dificilmente para em um bom emprego, vai mal na escola e chateia os pais e amigos.

Todos nós temos DEVERES MORAIS para com o próximo. Nossos deveres:
·        Ser bons e caridosos com o nosso próximo.
·        Devemos tratar a todos com gentileza e atenção.
·        Devemos obedecer aos pais ou aquele que é responsável por nós.

O dever começa precisamente onde ameaçamos a felicidade ou a tranqüilidade do próximo.

CUMPRINDO NOSSOS DEVERES ESTAREMOS CONQUISTANDO VIRTUDES E DEIXANDO PARA TRÁS NOSSOS DEFEITOS.

Para conseguirmos realizar todas essas conquistas, precisamos também ter saúde. E para isso devemos cuidar de nosso corpo físico:
·        Comendo alimentos saudáveis
·        Praticando atividades físicas
·        Cuidando da higiene.
E de nosso Espírito também, trocando defeitos por virtudes, para sermos um dia, mais perfeitos.

Terceiro Momento:  Jogo da trilha – Nos passos de Jesus

Como jogar trilha?
O professor explicar que deverão respeitar as regras propostas: SER SINCERO; respeitar a vez do colega e fazer silêncio; compartilhar e festejar com os colegas o resultado.
As pegadas com as questões no verso deverão ser pregadas num cartaz e estendido no chão da sala.


Como Aplicar: 

1.     Cada evangelizando (um de cada vez) vai escolher uma pegada a ser sorteada ou jogando com o dado;
2.     Ao escolher a pegada deve ler a questão e responde-la dizendo como deveria ser a ação correta segundo Jesus nos ensinou.
3.     Caso saia uma tarefa surpresa, essa deverá ser cumprida.
4.     Respostas corretas ganha uma “pegada”.

No final do jogo a criança que tiver maior número de pegadas, ganha “SURPRESA Doce!” para compartilhar com a turma.

Quarto momento: Atividade escrita 

PRECE FINAL


Nenhum comentário: