14 de julho de 2008

Aula - Corpo, dádiva Divina

PLANO DE AULA

Corpo, Dádiva Divina

Objetivo: Conscientizar para a importância da higiene e limpeza do corpo, da mente e do coração, como alternativas para uma boa qualidade de vida material e espiritual.

Atividades iniciais:

canções para harmonizar

Prece inicial

Primeiro momento: Iniciar contando a “história do Zeca(em histórias)

Segundo momento: Questionar os evangelizandos:

.Qual o presente que o Zeca ganhou?

.O que era o Zeca antes de ganhar o presente?

.Quem deu o presente ao Zeca e com que finalidade?

.Será que nós ganhamos o mesmo presente de Deus?

.O que Deus falou para o Zeca a respeito do presente (corpo)?

.O que nos permite movimentarmo-nos, escrever, falar, ver, ouvir, sentir,cheiros, falar?

Terceiro momento: Diálogo:

Nós somos Espíritos. Recebemos de Deus um corpo material como instrumento de progresso, enquanto estamos na terra. Como devemos cuidar do nosso corpo? Através de bons hábitos de higiene (tomar banho, cortar as unhas, pentear e cortar o cabelo, escovar os dentes), fazer exercícios ter bons hábitos alimentares como: comer frutas e legumes, beber muita água e não comer doces em exagero.

Da mesma forma que a boa alimentação nos dá saúde e energia para o corpo, é essencial cuidar também da saúde do espírito tendo bons pensamentos e bons sentimentos.

A limpeza e higiene é fundamental para saude do corpo físico como a da MENTE é fundamental para a saúde mental e conseguiremos ela com a ausência de pensamentos negativos, depressivos, maledicentes, malévolos ou idéias obsessivas. Faz-se higiene mental mediante boas conversações, leituras edificantes, músicas que elevam, prece. Devemos evitar assistir muito televisão e certos programas. E só teremos uma vida equilibrada e feliz se estiver ausente em nossos corações o orgulho,egoísmo, rancor, desejo de vingança, inveja, maldade. Essa higiene é feita mediante o uso de atitudes de bondade/caridade, de amor ao próximo, indulgência, perdão, benevolência... Disse Jesus: “Bem-aventurados aqueles que têm puro o coração...”

Terceiro momento: Dividir o quadro em duas partes e de um lado escrever:

"Hábitos fundamentais para a saúde do corpo" e do outro "Hábitos fundamentais para saúde da alma" e deixar os evangelizandos citarem enquanto que o evangelizador anota no quadro.


Quarto momento: História com interferência:

Contar a história QUE COISA ESQUISITA!, com interferência (combinar com as crianças os gestos (estalar de dedos) e á medida em que o evangelizador vai contando, em momentos estratégicos vai sinalizando para as crianças. Quando a evangelizadora estalar os dedos(*) elas dizem, “que coisa esquisita!”(*); e quando piscar um olho (+) “batem palma”, e levantar o indicador, os evangelizandos “repetem a frase”(#).

Joãozinho era um menino bom e simpático, mas...
Não gostava de tomar banho e escovar os dentes... (*)
Não gostava de lavar as mãos e de pentear-se... (*)
Não gostava de cortar as unhas... (*)
Isso mesmo: não gostava de andar limpo! (*)
Era mesmo uma coisa muito esquisita! (*) ...

Mas... joãozinho ajudava a mamãe a arrumar a casa(+)... organizava seu quarto(+)... ajudava a vizinha que era velhinha a carregar a sacola da feira(+)... fazia preces diariamente(+)... participava da escolhinha de evangelização(+)... gostava muito de ler e estudar(+)... come todos os legumes que a mamãe põe no prato... (+)

Mas sua mãe ficava muito preocupada e aflita porque ele não se cuidava, mas era um menino bom e tinha um grande coração. E muitas vezes tinha que dizer: - Joãozinho, venha tomar banho!(#) - Joãozinho, venha cortar as unhas!(#) - Joãozinho, vá lavar as mãos... (#) - Joãozinho, venha pentear os cabelos!(#) ... – Joãozinho venha escovar os dentes!(#)
E assim por diante...
Certo dia, a mãe avisou: - Joãozinho, meu filho, todos os seus amiguinhos andam limpos... Um dia eles não vão mais querer brincar com você! Olhe o que eu estou dizendo...
Dessa vez, Joãozinho ficou pensando no que sua mãezinha havia dito... E quando foi dormir, ainda não tinha esquecido as palavras da mamãe e ficou pensando, pensando

No dia seguinte, levantou cedo tomou banho e escovou os dentes... e depois disso, nunca mais descuidou da higiene do corpo, ele achava que não era importante, mas não basta só cuidar do espírito, é importante cuidar do corpo também, pensou. (Todos evangelizandos aplaudem no final)

Prece final

(Desconheço a autoria. Roteiro de aula foi adaptado)

2 comentários:

Andrea_Lima disse...

Parabéns pelo trabalho.
Abraço fraterno.

Anônimo disse...

Adorei a estória, muito criativa. Continue perseverando, pois assim está também ajudando. Muito bem!
Denise, evangelizadora.