12 de setembro de 2011

Caça ao Tesouro


Caça ao tesouro

Tesouro Material e Espiritual

Uma experiência lúdica nas dependências da casa espírita

A idéia é aplicar este tipo de atividade adaptando no tempo e dentro do espaço físico disponível da casa espírita, com o intuito de ajudar o evangelizando a refletir sobre a verdadeira propriedade, sobre o que realmente possuímos que são nossas conquistas e valores morais.

Os evangelizando irão à caça ao tesouro, e ao lançar a proposta para a turma sobre este tipo de atividade, eles deveram estar ciente que existe DOIS tesouros, mas apenas um deles é verdadeiro.

A faixa etária das crianças em que usei essa atividade é sete anos.

A caça ao tesouro

Na "Caça ao tesouro" os participantes estarão divididos em grupos. Cada grupo receberá a primeira pista e um mapa do local.

O grupo deve designar um capitão que deve ficar responsável.

Essa pista (enigma) indicará o próximo local onde estará escondida a próxima pista. Depois de decifrada o primeiro enigma, os participantes irão em busca do próximo e assim sucessivamente, sempre observando o mapa, até que o último enigma levará ao local do tesouro. Os dois tesouros, por sua vez, deverão estar escondidos nos parâmetros do local indicado pelas pistas.

Regras

1. Trabalhar em equipe;

2. Não saltar pistas;

3. Não gritar ou correr nos corredores.

A Área para a Atividade

Todo o espaço disponível da casa espírita para as crianças.

Na casa espírita onde sou evangelizadora, usei o corredor, recepção e salas. Coloquei as pistas próximas a objetos como, por exemplo: no relógio e no calendário da recepção, porta da biblioteca, espelho do banheiro, sala de material da evangelização.

As Pistas

As pistas que usei:

Coloquei ao fundo o desenho propositalmente como dica, mas quando necessário dei mais dicas.

O mapa do tesouro

Para preparar um legítimo mapa do tesouro você vai precisar de uma folha de papel branca e envelhecê-la. Ou, você pode usar um tipo de papel pardo para desenhar o mapa.

O primeiro passo para o mapa ficar realista é envelhecer o papel. Isso você consegue molhando um algodão em chá forte ou café e passando no papel. Use um secador de cabelos para secar o papel e ir vendo o resultado. Faça isso dos dois lados.

Depois de bem seco, com uma vela acesa queime a volta toda do papel. Peça ajuda de outra pessoa para segurar o papel enquanto você passa a chama da vela. Faça pequenos trechos de cada vez e vá apagando. Procure um lugar seguro e tenha muito cuidado para evitar acidentes e incêndios.

Depois basta desenhar o mapa de acordo com o local da caça ao tesouro e as pistas que vai sugerir.

Abaixo está o mapa que fiz da área que usei.



O baú do tesouro

Com o mapa pronto você vai precisar fazer o Tesouro MATERIAL e o ESPIRITUAL. Queria fazer bem realista e então comprei dois pequenos baús, mas você encontra moldes de baú de papelão na internet para montar.

No baú de TESOUROS MATERIAIS, usei (comprei em uma loja da minha cidade) imitação de moedas de cor prata, cobre e ouro, coloquei dinheirinho de papel (reais), colares, pedras coloridas (muitas e diversas cores) que faz bijuterias. Ficou muito bom.

No baú de TESOUROS ESPIRITUAIS você pode comprar várias caixas de acrílico em FORMATO DE CORAÇÃO e dentro colocar nomes de virtudes, ou também você pode imprimir cartões coloridos com os nomes de virtudes, como as da gravura abaixo.




Fim do Jogo

A brincadeira termina quando encontram os dois baús.

Reunidos na sala, pedir ao grupo que abram os baús, para então questionar: Qual é o VERDADEIRO TESOURO? Aquele que a traça e a ferrugem não corroem e os ladrões não roubam!

Conclusão

Foi uma diversão! Até a pequena Camila que estava triste com a internação da irmãzinha passou momentos felizes e descontraídos.

Essa brincadeira foi aplicada na aula sobre a Verdadeira Propriedade (Evangelho Seg. o Espiritismo, cap. 15).

2 comentários:

Lírica disse...

Que dinâmica linda!
Professores de Educação Infantil e algumas turmas do primeiro segmento poderiam utilizar esses exercícios na escola...

Lírica disse...

Que dinâmica linda!
Professores de Educação Infantil e algumas turmas do primeiro segmento poderiam utilizar esses exercícios na escola...